sábado, 31 de agosto de 2013

Terça feira de fun facts

Ora vou iniciar uma nova rúbrica. Terças feiras porei aqui um post com um fun fact. O que acham da ideia?

Prólogo

Inspira. Expira.


Eu não escolhi ser assim,  é uma necessidade. É um vício, é uma... uma... uma coisa que faz parte de mim, necessidade de controlo. De magoar, de dominar.


Inspira.. Expira..


Havia um quadrado estranho na parede. Um com umas marcas. Calco nele. Uma gaveta sai e lá está uma chave. Pego nela e abro a porta. Uma porta aparentemente normal como qualquer outra, excepto que ao abrir sente-se que é pesada e grossa. Esta é a porta para o que preciso. Consigo sentir o cheiro. Horas e horas passadas ali, conheço o quarto melhor que a palma da minha mão, os roupeiros e os seus mistérios,  a cama encostada à parede do fundo, uma cama grande com grades no topo e postes a fazer de patas, no outro lado uma barra presa ao teto.


Aparentemente, um quarto dentro do normal, excepto a rapariga de joelhos completamente nua num canto.


Inspira... Expira...


É hora de brincar...

Mommy? Daddy?

Mommy? Daddy? Please don't fight. I'm scared. I'm so scared.

Eu

Sou uma pessoa bastante complexa.

Em primeiro lugar penso de maneira estranha;
Tenho várias personalidades;
Passei aquela fase de passagem de adulescente para adulto, fui obrigado a ser grandinho bastante cedo;
Gosto de me atirar de penhascos;
A maior parte das vezes não gosto muito de mim;
Tenho um tipo de olhos raros que mudam de cor;
Sou sádico;
Sou um Control Freak (maníaco por controlo);
Tenho 17 anos;
Normalmente penso em mais que uma coisa ao mesmo tempo, consigo estar a pensar num problema de matemática e ao mesmo tempo estar a escrever uma composição;
Tenho um medo enorme de ir a uma sala de espelhos. Basicamente detesto tudo que sejam espelhos;
Gosto adoro patinar;
Sou um monstro;

Bem isto é +- a salgalhada que me compõe, acho eu. Pudera ser meio louco e ter uma pentouse reservada no inferno.

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Aeroporto

Ainda não sei como consegui passar no aeroporto col uma mochila cheia de pedras (rochas vulcânicas se forem gente fina)... Tipo, supostamente é se revistado pra ver se nao se tem armas e eu podia matar metade do pessoal do avião com aquilo... Se calhar a minha carreira de futuro é terrorismo... Hum...

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

hey hey

Calma que eu ainda não morri, quase, mas não... Ora o que decidi fazer? Hum... Deitarme de penhascos abaixo de cabeça para o mar... Mas pronto hoje ja vou pro continente e já ponho isto em ordem. Até à proxima :)

domingo, 25 de agosto de 2013

Sem titulo

Estou a escrever uma história. Brevemente posto o prólogo

Os 'eus'

Bem, uma das razões da minha angustia é a variedade de personalidades por vezes contraditórias que eu tenho, algumas aparentemente contraditórias... Há o 'eu' controlador, dominador, o 'eu' sado-masoquista, o 'eu' criado para fugir aos problemas do passado, o 'eu' forte e protetor, o 'eu' assustado, o 'eu' inventado para que os meus conhecidos pensassem que tudo estava bem, e algures por aqui o meu verdadeiro 'eu'... O problema é que com todas estas máscaras, perdi noção de mim e do que me identifica... Eu já não sei quem eu sou e isso torna-me inseguro... Olhar pro espelho e ver outro que não eu, mas que sou 'eu'.

bye

Nos próximos dias estarei nos Açores a passar uns diazimhos e isto vai ficar ainda mais parado do que o que esta... De vez em quando vou vindo escrever, mas pouco e sem imagens(n trouxe o portátil :( )
Acho que me vai fazer bem, a ver se saio deste estado de deprimência, mas antes de ir vou contar-vos um pouco da minha história, para compreenderem algumas coisas...

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

(A)Simetrias

Uma folha em branco, uma frase sem ponto final, uma história sem final feliz, um herói que o seu inimigo é ele prório, uma espiral de desepero e frustração que chegam ao núcleo do ser cansado.
Uma lenda inacabada, não completo, feio, triste, sem razão de existir, um poço sem fundo de angústia e vazio.
A desilusão de não atender as espetativas, o não merecer confiança, sempre olhado de sobrolho, mas sendo deixado sozinho em momentos difíceis.
Ter crescido vários anos num. Ter na consciência sofrimento demasiado para uma só pessoa, ser obrigado a ser maduro para umas coisas, para depois ser tratado como uma criança.
Uma carapaça endurecida ao longo de anos difíceis, mas com um interior vazio, a despersonalização, o olhar o reflexo e nele ver outro, máscaras atrás de máscaras.
Uma pessoa tão quebrada que enlouquece só de ver o seu prório reflexo...
EU|UT...
.

nao-sei-o-que-fazer

Olá, eu sou o itor, fumo erva, bebo bastante alcool, gosto de magoar a mim e aos outros, mas secretamente tenho um bom coração, doi-me a barriga e estou de mau humor...

Ausência

Voces, meus caros escassos seguidores, devem-se estar a questionar por onde ando... Ora como aqui a inspiração é pouca e a Maria não anda a cumprir os seus deveres conjugais, aqui o admin. da zona anda sem musa que se apresente e não se vai aqui meter palha pra entreter... Entao decidi meter aqui umas feriaszinhas ate ocorrer algo na minha vida digno de nota, e também vou pra fora nos proximos dias, portanto ate à proxima meus raros leitores.

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Buraka, o som e o sistema

Hehehehe vomos lá aos buraka som e sistema abanr um pouco, e sentir a tua big bunda a roçar-se nas minhas partes privadas... É o que devo estar a fazer neste momento.

Mockinjay

Foi uma desilusão... O final foi... Tão não adequado às personagens, para além das mais bacanas terem morrido...

Shhhhhhhhh

Post pra mais de 18, bla bla bla, se os tiverem vejam, senão não calques no botão...

Andorra

Oh Andorra... Tenho saudades tuas...

Conversas

Porque eu sou simplesmente estúpido

(O homenzinho que ali vêm está a dançar)

Um sim à avó, fé ao minímo e um par de ombros doridos

Tive de levar uma treta destas, mesmo sem acreditar naquelas patetices... E agora que até estava numa relação boa com o diabo...
Mas vá, a avózinha pediu, e lá foi o netinho querido fazer a vontade... O único senão é que ninguém la na aldeiazinha tem 1.90m de altura portanto o peso ia todo pro Itor...

domingo, 18 de agosto de 2013

Crónicas de um rapaz-bola

Porquê avózinha?? Porque é que fazes tudo tão bom?? Porque???

V.I.P.

Ora, ontem aqui na terrinha hoje um desfile da miss. Nordeste que iria ser apresentado pela Liliana Campos, ora eu encontro esta senhora no shoppping e, confundindo-a com uma colega minha, pus-me a acenar-me e a sorrir, como quem, já nos conhecemos à búe tempo... Ora ao ela chegar mais perto, vejo que a minha estupidez e miopia(estava sem oculos e sem lentes) tinham-me levado a confundi-la... Agora imaginem a minha cara quando no desfile me disseram que era a Liliana Campos a apresentar e, era a rapariga à qual tinha acenado...
Pfff é lixado ser cego...

sábado, 17 de agosto de 2013

Amo-te

Porque tu me reparaste nos olhos antes do resto.

Hum

Como é que eu escrevi um post pra maiores de 18 anos se eu tenho apenas 17?? Hum...

Divagaçoes...

Dissera-me que tenho o dom de salvar as pessoas, mas a maior parte das vezes, sou eu que preciso de ser salvo.

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Sadismo e Masoquismo

Post que conterá conteúdo para pessoal com mais de 18 anos (vá, se tiverem mais de 16 espreitem aí), e aviso que este post é muito quinky...

Monstro

Porque tu és a bela, eu sou o monstro e ainda assim não me abandonas-te...

Olhos e alma

Os olhos são o espelho da alma

Quando conheço realmente uma pessoa, sé de a olhar nos olhos sei exatamente como ela está e como se sente.

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Olá

Bem... Não se preocupem... Finalmente arranjei coragem pra enfrentar os meus problemas... Não ha mais esconder atras de vícios.. Tudo ficou resolvido... E é melhor assim :)

Adeus

Estou farto desta merda, farto de tudo, venham ss lágrimas, venham as drogas, venha o alcool, venham as laminas, venha o sangue, venha a dor!...

Lágrimas

Sou um rapaz e choro... Não por mim, não por causa da minha vida, mas pelas pessoas que amo...

I live for this shit!!!!

Pranchas, patins, skates, motas, carros, adrenalina nas veias, aquela sensação de se algo corre mal eu morro, eu... Simplesmente vivo pra esta merda...

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Homem na lua

No outro dia pediram-me que me descrevesse a mim mesmo... Fiquei a pensar nisso... Para além de cabelo preto, 1,90, bla bla bla, pensei como seria eu por dentro... Misterioso, estar de pé toda a noite, um pouco solitário, um lado oculto e negro... Como a Lua...

Scars

E se fui eu que fiz as cicatrizes?

Férias

Atualmente as minhas férias são: Correr, fazer abdominais flexões e elevações, ver filmes e séries durante o resto da manha/inicio da tarde, piscina depois disso, passeiozinho com a Maria depois de jantar e depois deprimir até adormecer...
Ah e claro vir ao blogger :)

Frango, gelo e um pouco de sangue...

Oh pá, eu não sei porque ando eu a correr e a fazer este exercicio todo, para depois de jantar ir com a Maria beber granizado e comer nuggets com ketchup??? Oh... Este Itor não tem emenda...
Pray for my soul!!
Esqueçam, já a vendi ao Diabo

Patinar

Sinto falta de patinar, principalmente de jogar, a sensação de tudo depender de nós e dos nossos colegas, de ter de pensar rápido, de não pensar em mais nada, de patinar sem pensar porque se tem de prestar atenção ao jogo e ao que fazer, é simplesmente fantástico... É pena que não o possa voltar a fazer. Estou mesmo triste...
E tenho saudades de patinar, a ultima vez que o fiz foi no gelo e s+o tive 5 min pra mim, já que o resto do tempo passei-o a ensinar a minha prima de 8 anos a patinar... Sinto mesmo falta...

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Desculpem

Aqui está a razão pela qual só estou a escrever à noite, é foi ter colado em metade da série Revolution.

Divagaçoes de um meio morto

Só me apete ir para a minha cama e ficar lá todo o dia enrolado...
Ahn... Vou correr, pelo menos dói

Weirdo


Tenho fantasias com bifes de perú... E comi 3 ao almoço e dois antes do lanche lanche, e espera-me outro antes de ir pra cama XD

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Maria, este som é pra ti! SWAG!


Tenho o rabo suado!!
A Maria e o Itor vão comer gelado!!
Tenho o rabo suado!!
A Maria e o Itor vão comer gelado!!

Ele as chaves encontrou!!!
E a canção por aqui acabou!!!
SWAG!

Paraa melhorar o meu dia, música triste

Staring at the bottom of your glass
Hoping one day youll make a dream last
But dreams come slow and they go so fast
You see her when you close your eyes
Maybe one day youll understand why
Everything you touch surely dies
(...)
Staring at the ceiling in the dark
Same old empty feeling in your heart
'Cause love comes slow and it goes so fast
Well you see her when you fall asleep
But never to touch and never to keep
'Cause you loved her too much and you dived too deep







When you try your best but you don't succeed
When you get what you want but not what you need
When you feel so tired but you can't sleep
Stuck in reverse

And the tears come streaming down your face
When you lose something you can't replace
When you love someone but it goes to waste
Could it be worse?
(...)
Tears stream down your face
When you lose something you cannot replace
Tears stream down your face
And I

Tears stream down your face
I promise you I will learn from my mistakes
Tears stream down your face
And I


Medo

Medo, medo de tanta coisa, medo por ti, medo pelas pessoas que gosto, medo por tanta coisa...
Medo por acordar com as discussões que eram tão frequentes;
Medo de te perder;
Medo
...
Viver constantemente assim, mesmo contigo tentando animar-me;
Tantos casos na tua família com cancro, medo de tu também poderes vir a ter;
Medo de as coisas aqui se decontrolarem quando eu for embora;
Medo de voltar a ter uma recaida;
Medo de cair outra vez num mundo surreal e abstrato;
Medo de não sentir nada a não ser medo;
Medo de ter medo
MEDO
...

Recap!

Ora bem, aqui o Itor já está a melhorar e já corre 7/8 Km de manhã e já vai nos 30 abdominais quando ainda no outro dia lhe custava fazer dois, para além disso ainda passa no parque e faz 10 elevações numa barra de lá (começou nas 7 :p)

A parte má é que... EU QUERO PARAR... AAAAAHHHHHHHH ISTO DÓI TANTO!!!! TANTAS DORES MUSCULARES!!!

Mas não!!! Eu so o iiiiiitttoooooooorrr!!!!! Ei-de conseguir!

Selo



Este selo foi-me entregue pelo RicardoMiguel do Blog Breath for love. Obrigado!
Regras:
- Colocar o selo no blogue ;
- Escreves 7 coisas sobre mim ;
- Atribuir o selo a 15 bloggers e avisá-los.

7 coisas sobre mim:
- Tenho 1.90 cm;
- Cabelo preto e liso;
- Tenho um tipo de olhos raros que variam do verde ao castanho dependendo do meu humor, da luminosidade e da rios que trago vestida;
- Tenho mais de 14 cicatrizes (algumas delas grandes e feias);
- Já fumei e envolvi-me várias vezes no alcool e nas drogas para esquecer problemas (consegui parar... Obrigado Maria xD);
- Terminei o secundário com média de 19.1;
- Adoro qualquer tipo de patinagem, simplesmente adoro;

Blog's a que passo o selo:
-Amanhã com tempo ponho

Por estas e por outras...

Ora bem, para lá de não ter 2 dentes e de ter a dentuça deformada, o dentista decidiu por-me um tratamento de elásticos, ora bem aqui o unico problema é que se abro a boca soltam-se, e para além disso são lixados de por, ficam mal, e prontos...
Não bastava ter metal nos dentes e agora também borracha, porra é fudido ser dificinte dos dentes, porra

Não, este nao era o post que estava a falar no ultimo post

domingo, 11 de agosto de 2013

Hoje

Tenho medo de publicar um post que tenho nos rascunhos... Parece que escrita, a ameaça se torna mais real, acreditem ou não, mas I am a fucked up boy, with a pretty fucked up life

Nota para mim mesmo (e para vocês)


  • NÃO encher a barriga de chocapics antes de ir correr...

sábado, 10 de agosto de 2013

Um dia...

Bem, um dia espero entrar em casa a papar-te toda e partir algumas jarras enquanto te tiro a roupa e te levo pro quarto...

Oh Itor Itor, não tens emenda

Eh pá, eu bem tento, eu bem tento resistir e fazer exercicio, mas basta ir à minha avó jantar para me encher de leitão e batatas assadas no forno de lenha, meia caçoila de pudim e meia caixa de miniaturas...
Aiiiiiii tenho a barriga tão pesaaaadaaaa

Um conto de fadas, ou não...

(continuação de :O que ficou por te contar) Todas as histórias fantásticas começam com 'era uma vez...', ou no 'tempo de...', inícios que nos põem a tentar adivinhar o que se passa asseguir... Eu vou contar-vos uma. Não começa por 'era uma vez'. não é fantasia, é real sentem-se e ouçam:

Depois do abraço do dia anterior, e da promessa da dona Maria de ir ver o meu jogo, aqui o Itor não conseguiu descansar o passarinho essa noite e portanto esteve na cama num estado de estupificação apaixonada na cama a manhã inteira a passar os cenários possíveis na cabeça, para fazer um brilharete à Maria...

Ora, posto que aqui o desportista tinha jogo nessa tarde teve de levantar o pandeiro da cama e ir almoçar cedo para fazer a digestão...

Lá se encaminhou então o wild bicho (porra patricia!!) para o campo para vestir-se, equipar-se, por ligaduras, aquecer, enfim essas tretas todas, mas a senhora dona maria resolvia não aparecer (descobri depois que se tinha perdido, enfim...), portanto aqui a estrela da equipa resolveu começar a panicar e a deprimir em pleno jogo... O que aconteceu então?? Pois, foi pro banco enquanto percorria a bancada com os olhos desiludidos... Vá lá, ao menos o senhor treinador chamou logo o capitão pra entrar e lá fui eu e foi aí que a vi, ela estava lá, ela tinha vindo ver, toca a picar o burro pra dar o máximo... 

Lá se jogou um pouco, não vos vou perturbar com promenores e regras enfadanhos, talvez fique para outro post, mas lá se viu o Itor isolado para a baliza e pronto para marcar um golo e levar a Maria ao êxtase... Ora isto teria acontecido se eu fosse realmente um herói, mas já avisei que isto não é um conto de fadas, portanto fui lento demais a decidir o que fazer e Pumba! Um gajo deles pra cima do Itor e lá ficou aqui o pseudo herói da fábula no chão contorcido de dores com uma falta por trás mesmo na área... Penalti claro, se o árbito não tivesse decidido que foi eu a atirar-me ao chão... Prontos, la ficou o Itor sem o golo, a maria sem o seu pseudo orgasmo e o árbito e os da outra equipa contra nós por termos reclamado... Lá continuou o jogo com aqui a personagem principal cheia de dores. Eis então que vejo uma pinga vermelha no chão e levanto a camisola e, ora bem como eide explicar, tinha um circulo (+- do tamanho de uma colhacha oreo) de pele viva com coisas brancas de onde em onde e sangue a escorrer disso, montes de sangue, a camisola por dentro estava já toda vermelha... Lá recambiou o Itor pro banco lamber as feridas e como o orçamento do clube é escasso teve de se inventar um penso com compressas e a Maria a assistir a isto tudo... Pronto o resto do jogo lá correu normal com várias mudanças de penso, e lá acabamos por perder... Aqui o Itor foi à rua ainda todo suado e ensanguentado falar com a Maria à rua (sim, nas história aparece um caveleiro branco, lavadinho e a cheirar bem, mas eh pá... prontos) e lá se conbinou eu ir buscá-la, a casa para irmos a uma festa de anos essa noite


(Se estão cansados, este é o momento para pararem, se ficarem, acalmem aí a passarinha que isto vai demorar)


Pois atão lá tomou o macho banho e foi pra casa cortar os pelos da sua beiça... E como o penso anterior tinha já encharcado em sangue aqui o pseudo herói resolver meter algodão na ferida preso com pensos, o que aconteceu?? Pois ao tirar o algodão o que restava da pela saiu... E doeu como o caralho! Mas pronto, lá voltei ao modo compressas e aguentousse

Prontos, lá foi o pseudo heroi  para o sofá vegetar e a passar na cabeça os cenários possiveis para essa noite e decidir ir ao intermarche comprar uma garrafa de tequilla para logo beber com a maria, mas o estúpido não se lembrou que os supermercadaros fecham e Maria teve de se contentar com umas rosas berradas no quintal do vizinho... Ora lá foi o bicho até à porta da moça todo pimpão e escanhuadinho com três rosas na mão e dá-lhe um abraço quando esta abre a porta... Como a senhora estava ainda por vestir lá esperou o moço por ela enquanto se ria já que a menina decidiu cantar enquanto se preparava...

Lá foi o casalinho feliz e contente inconsciente da paixão de um pelo outro a um barzinho da zona antes de ir ter com o pessoal, ora quem é que decidiu aparecer? Pois o ex da macha... Awkward... Pronto lá acabámos as bebidas e mudámos para ao pé dos nossos colegas.

Eis que, ao chegar, o poderoso remendo na pele do pseudo heroi decidiu decolar-se... Ora o Sr. Itor teria de ir a uma loja de encantamentos, conhecida no mundo real como farmácia e a princesa Maria ofereceu-se para o acompanhar... Estava a chover e lá iam os dois amantes à procura da farmácia Soeiro, a única de serviço, perderam-se, abraçaram-se à chuva, e olharam-se nos olhos, as suas bocas aproximaram-se, mas o olhar vacilou e tudo se transformou em um abraço... Depois lá se lembraram do caminho para a farmácia recondendo ao mapa do tesouro (conhecido por GPS) no telemóvel do cavaleiro ensanguentado.

Ao chegar à loja dos encantamentos, o caveleiro e a princesa abrem a porta e a dona do balcão esboça um sorriso ao ver o moço e a moça agarrados pensando que iria vender uma poção para afoguear a noite(conhecida como preservativos), até que o poderoso cavaleiro, saca da camisola e, qual espanto em vez de um corpo definido e bem tonificado observa-se uns peitorais +-, uma barriguinha protuberante e um circulo ensanguentado enorme, e com a sua angélica (mais demoníaca, mas pronto) voz, a personagem principal clama: 'Eram pensos por favor', ao qual a senhora das poções pergunta 'Desculpe??' (ora imaginem só a cara dela) , e o cavaleiro: 'Era um penso que cobrisse isto', mostrando o seu sorriso metálico... Ora bolas a senhora um pouco atrapalhada lá vai buscar os remendos e o cavaleiro paga e vão os dois amantes embora... Do outro lado da rua a moça remenda o moço apaixonadamente e o passeio na chuva é retomado no caminho de volta até ao bar...

Ao chegar ao bar o casalinho separa-se e vai ter cada um com a sua fação, o cavaleiro vai ter com o pajem, com o homem dos cavalos, com o da armadura (enfim, com a rapaziada) e a linda princesa vai ter com as suas aias e restantes princesas (portanto, com a raparigada que depois revelaram ser bruxas, mas isso é outra história).

Por compromissos mais ou menos sociais, a moçoila esteve com a meninada sem dar muita atenção ao cavaleiro e este a desesperar por atenção a um canto...

Ora uns jogos de setas e alguns shots depois, o concílio lá decidiu abandonar a taberna e ir dar um passeiozeco em comunidade, juntando-se aias com aios e princesa com cavaleiro mais afastados na retaguarda, agarradinhos e perdendo-se em carícias um com o outro e decidiram sentar-se num trono esculpido (um banco de jardim) para enfim, estarem um com o outro e mandaram os seus respetivos criados darem uma volta. Criado o ambiente retomaram onde ficaram, abraços calorosos, olhares nos olhos, as bocas a aproximaram-se a paixão latente e beijaram-se, o cavaleiro põem a linda princesa no colo e beijam-se até que se têm de ir embora... 



Ora eu sei que o bardo não é grande coisa e a cítara é inexistente, que o herói principal é demasiado burro e feio pra ser herói, que a loja de poções não passava de uma farmácia e que os aios e aias não passavam de amigos e a taberna, na realidade era um bar, mas nessa noite aquela rapariga transformou um rapaz num príncipe, que o rapaz mudou para melhor... 
Bem sei que isto não é são os famosos contos de fadas, não começa por 'era uma vez', nem acaba 'e viveram felizes para sempre', mas se assim fosse eu não estaria a escrever aqui e vocês não teriam esta história para ler!


Fim!

hum...

Só porque adoro quanto de pões em cima de mim, há sempre festa depois ;)

Fuje, que tem furreje

Pois é itor, como tens comido como um burro, vais correr hoje de manha que te lixas, até já :)

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

She is soooooo out of my league

She's blood, flesh and bone
No tucks or silicone
She's touch, smell, sight, taste and sound
But somehow I can't believe
That anything should happen
I know where I belong
And nothing's gonna happen
Yeah, yeah
'Cause she's so high
High above me, she's so lovely
She's so high
Like Cleopatra, Joan of Arc, or Aphrodite
She's so high, high above me
First class and fancy free
She's high society
She's got the best of everything
What could a guy like me
Ever really offer?
She's perfect as she can be
Why should I even bother?
'Cause she's so high
High above me, she's so lovely
She's so high
Like Cleopatra, Joan of Arc, or Aphrodite
She's so high, high above me
She comes to speak to me
I freeze immediately
'Cause what she says sounds so unreal
But somehow I can't believe
That anything should happen
I know where I belong
And nothing's gonna happen
Yeah, yeah, yeah, yeah
'Cause she's so high
High above me, she's so lovely
She's so high
Like Cleopatra, Joan of Arc, or Aphrodite
She's so high, high above me



Songwriters
Bachman, Tal


Read more: Tal Bachman - She's So High Lyrics | MetroLyrics 


Obrigado por me teres escolhido ;)

Tudo na paz

Se não o tivesse partido no outro dia, pegava no arco e espetava-lhe uma flecha na cabeça... Bom humor logo de manha hein?

Prazo falso

Comi um pacote de dounuts fora da validade e não me aconteceu nada... Hahaha sou imune!!! Whoooowhoooo

O que ficou por te contar

É verdade nunca tinha reparado realmente em ti, só uma olhada ou outra, nada de especial... E com o coração recentemente partido, como poderia vir a gostar alguém??? Mas havia algo... As aulas de biologia e de Matemática eram sempre algo especial... Contava sempre os dias para as quintas feira onde me ia sentar a teu lado.
Até que te zangaste com as tuas únicas duas amigas e começas-te a dar-te comigo, comecei a passar os intervalos contigo, a conhecer-te melhor, o que gostavas, o que não gostavas e pouco a pouco fui descobrindo que a menina tímida da turma era fantástica. Comecei a apaixonar-me por ti... Não queria... Tinha medo... Mas aconteceu... Passávamos tanto tempo juntos... Tudo parecia perfeito, excepto uma coisa... Tu tinhas namorado... Não percebia o que vias nele... Era baixo, burro e vocês os dois ficavam tão mal juntos... Então assim não te pedia mais do que tinhamos... Não te convidava para sair, tinha medo... Não te queria perder...
Mas percebendo tu minimamente de filosofia, lá resolvi pedinchar-te ajuda para aquilo e assim começá-mos a passar as tardes juntos a 'estudar filosofia', portanto a cuscar e a comer marshmellons e batas fritas... Eram ótimas tardes... E quanto à filosofia, bem... Não lhe pegávamos e acabava sempre por copiar nos testes... Até que a querida professora resolveu mandar-nos fazer um teste para casa... Sim, estão a ler bem, um teste para fazer em casa e lá foi o itor e a maria para a biblioteca 'fazer o teste', como de costume foi aparvalhar, e combinámos ir ao jogo de futsal da equipa da escola nessa noite, mas... tu não apareceste... pediste desculpa, não deste justificação e não apareces-te e combinámos acabar começar a fazer o teste no dia seguinte, mas não sei, estavas estranha, e não me dizias porque não foste ao jogo... Eu fiquei... Triste.... e Magoado, e perdi um pouco a esperança, até que... até que eu te chateei tanto que tu disseste gritas-te que o outro acabou contigo... Porque?? não sei, não sei o sabes, se nunca mo quiseste dizer, não sei... Mas, eu nesse momento fiquei radiante... Para ganhar um pouco de inspiração de filosofia fomos então beber um fino a um barzito lá da cidade... A maquina esteve avariada e tiveram de substituir, portanto o primeiro a beber um fino de lá fui eu... E tu o segundo... Ora, estava hora de ir para casa, mas... Quem encontrá-mos a caminho de casa? Adivinhem lá?? Pois... O ex... hum... agarrado a uma rapariga... Acelaraste o passo, n sei que influência tinha ele em ti... escondeste a tua cara... Agarrei-te e fomos para casa assim, eu a dar-te o teu calor...
À porta de tua casa, dei-te um abraço, primeiro tímido, depois profundo e... Foi aí que percebi que estava completamente louco por ti e que não te queria deixar ali... Simplesmente não podia... Apaixonei-me pelo que tu és por dentro, antes sequer de me sentir atraído por fora... Queria dizer-te que.. que não estavas sozinha e portanto mandei-te esta imagem

Foto: If Apple made water...
http://9gag.com/gag/4337667
Apenas para alegrar a Menina da apple! A ironia é que publiquei isto do ipad.

e perguntei-te se ias ao meu jogo no dia seguinte... Tu disseste que sim... Eu fiquei tão contente, que me custou a adormecer essa noite... A pensar em ti... Tinha-mos uma festa no dia seguinte... Eu ia buscar-te a casa para te levar lá...

Esta é a profundidade do meu amor por ti... Ter, ter, ter-me afeiçoado a ti, conhendo-te de dentro para fora, entrando na tua muralha de gelo pouco a pouco para te conhecer e tentar reparar as rachas existentes na tua personalidade, amar-te pelo que és, e não pelo que se vê... Amar-te por seres tu, e não por seres mulher, Amar-te por amar-te, por não te conseguir tirar da cabeça, por sonhar contigo, e com o teu raro sorriso que consigo arrancar de ti e que me faz apaixonar-me mais por ti a cada dia que passa...
Amo-te I.
Fica comigo...
Amo-te
...

Humorzinho de fada

Estou com um humor mesmo à filme de terror, ou videoclip do Skrilex...

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Bom? ou Mau?

Sabem, se eu fosse para médico, não ia suportar perder algum paciente... Detesto não poder ajudar as pessoas que gosto... Saber que elas choram e estão mal e não poder ajudar quer porque não posso, elas não querem, ter medo de insistir, medo de perder a amizade... Não sei se isso me tornaria um bom ou mau médico, mas ia acabar por perder noites acordado a tentar salvar alguém... Tal como agora estou, a ouvir música triste a pensar como poderei ajudar alguém de quem gosto, a escrever um post enorme nos rascunhos e meio angustiado por causa do meu post anterior...

Divagações de um rapaz que chora

O meu pai quase nunca esteve presente na minha infância... E quando estava raramente falava ou brincava comigo... Vê-lo agora a acarinhar a minha prima encanto está cá fico com raiva e vontade de chorar...

Oreos! Tragédia em 2 atos

Bem, eu quase nunca sonho, mas quando acontece são pesadelos
Bem.. A noite passada sonhei com oreos montes delas e de todos os tipos que há...
Conclusão, o itor passou a noite e a manhã enjoado

Sim... Tive um pesadelo com oreos....

Wow internacional

Gostaria de saber que esta a ver aqui o wow (Words over wheels) da Alemanha :)

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Natação

No próximo ano vou fazer natação... Já não faço à algum tempo, nado relativamente depressa e sempre foi uma coisa que gostei, mas aqui na terrinha os professores não tinham jeitinho nenhum, por isso desisti... No Porto terei mais hipóteses :)

Lasanha e abdominais

Depois de ser apaparicado aqui pela lasanha de patroa, olhei para a minha ex barriga de abdominais definidos e topei que 3 meses sem fazer deporto algum e a mamar como 20 pessoas à refeição fazem uma pessoa um pouco gorda... Ora Itor Manuel da Silva M., mentaliza-te para o próximo mês de puro esforço abdominal... Alguém me acompanha? (esperam só um pouco... Ainda há lasanha no figorifico XD)


terça-feira, 6 de agosto de 2013

E fez-se... bem... escuridao... :s

Ora é impressionante como aqui o pessoal da Terra está repente da luz... Claro que aqui o Blogger precisa de luz para existir... Mas... Estamos demasiados depedentes!! E se derepente a luz deixasse de existir? Pois... Deixovos esta questão...

P.S. Eu pensei que era um apocalipse zombie...

Musculo V

Ora bem, isto é uma das coisas que nunca percebi a afeição das mulheres... Conseguem-me explicar porque???

P.S. Eu tenho ;)

Nah... Its night bitches!

Bem, mesmo sem estar sem nada na cabeça ao ir dormir, não consigo... simplesmente não... Acho que sou um rapaz feito pra viver durante a noite... Já aqui a patroa diz que nunca me ouviu dizer 'Vou pra cama que tenho sono'... 
Até reza a lenda de que nos tempos que a minha mãe dava aulas à noite, portanto só chegava a casa durante a manha, andava eu na escola primária, o meu tio levava-me com ele a bares e discotecas para dar ar do bom com miúdos e engatar umas meninas... Jogo sujo, mas funciona e, bem, eu ia a discotecas na escola primária...
Talvez isto tenha ajudado ou não à minha condição de insonista, mas afirmo claramente que não sou feito pra viver de dia

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Amigo Lúcifer

Ora com o post de ontem fiquei a pensar como seria a vida no inferno e no céu... Como eram já altas horas da noite e nessa altura a minha cabeça tende para estupidificar comecei a pensar para onde queria ir... Cheguei então à conclusão que prefiro ir pro inferno... Ora em primeiro lugar ali o meu mano diabo já anda a instalar fibra optica pela zona, portante brevemente haverá tv de alta definição e high speed internet... Bem, isto é impossivel no céu já que não há chão para instalar a fibra em si, portanto contentam-se por satélite que só funciona bem durante breves momentos do ano já que o satélite tem de dar a volta à terra... O problema é a vista que é muito mais agradável no céu, mas como as strippers são as amigas do diabo, suponho que haverá bastantes destas lá pra baixo e sempre uma pessoa se entretem...
Ora, querido diabo gostaria de ir comprando uma vivenda lá... Com piscina, garajem para 4 carros e aí uns 5 quartos, podemos ajustar as prestações até à data da minha morte e suponho que assim ficará baratinho... Até há proxima bro

Claro que isto tudo faria mais sentido se eu acreditasse nisto, mas não se pode censurar a minha cabeça durante a noite... Além disso estou a bater com ela à 17 anos.

Parece que sempre vou para o inferno!!!

Hoje safei-me à missa... Depois de pedir aqui ao querido Diabo para me safar de lá, ele decidiu matar uma mulher e pô-la lá na igreja da aldeia... Ora com o cadáver da senhora lá a minha senhora mãe decidiu que não ia e assim também não fui... Será muito mau estar contente por não ter ido?? 
De qualquer maneira, obrigado Lúcifer, encontramo-nos no Inferno daqui a uns anos... Entretanto podes mandar instalar wi-fi para manter aquí o contacto com o pessoal? Obrigadão mano, vai lá fazer diabices XD

domingo, 4 de agosto de 2013

Alterações aqui na zona

Queridos Seguidores e Leitores
Como estão?
No outro dia estive a pensar e decidi que gostaria de escrever crónicas... Ora isto é uma coisa que quero partilhada com vocês para me darem a vossa opinião... Portanto assim que chegar à 5ª crónica abro uma pagina com estas que será actualizada de semana a semana...
Obrigado pela atenção e tenham a continuação de bom dia
Itor M.


P.S. N sei porque, mas apeteceu-me escrever este post num estilo tipo carta...

Experiência lésbica

Sabiam que 7 em 10 raparigas querem ter uma experiência lésbica??? Pois, também me surpreendi com o número :$


Também posso I.??? va la va la va la....

Religião e obrigações

Porque é que sou obrigado a ir à missa ouvir aquelas tretas todas... Aiiiiii se não for vou pro inferno... E atão? Eu também não obrigo ninguém a ir a conferencias científicas ou 'as palestras do diaboooooo' como são chamadas por muitos cristãos... Enfim... Cresçam e apareçam...

Fodasse não me apetece mesmo perder mais 1h da minha vida a ouvir tretas.

Caracóis

Eu estava mesmo decidido a provar, mas quando olhei para um no palito ainda a mexersse e a olhar com aqueles olhinhos pra mim com aquelas antenas fofas não consegui...

Sabiam que aquela parte dentro da concha é tudo intestino? Só a parte de fora é que é músculo, portanto ao comer carocois estasse maioritariamente a comer merda...

Este post era pra ser escrito no Algarve à uns dias para trás, mas eu sou meu esquecido e esta noite é a unica coisa que me está na cabeça... Já tirei tudo de lá... Boa noite :)

Desabafo

Sim... Contei-o sem ser à I. e foi a uma pessoa totalmente estranha... E sim ajudou bastante...
Obrigado... Beijo :*

sábado, 3 de agosto de 2013

Life

Welcome to the world, play the game or the game plays you...

Sadismo e cordas

Assumo, eu sou sádico, uma das coisas que me faz sentir realmente bem é magoar... Principalmente os que merecem...
Sim, Bondage é um dos meus segredos, não como dominado, mas sim como dominante. 
Algemas, tortura quando ela 'se porta mal', outros brinquedos e  cordas... Cordas é uma coisa que sempre me atraiu, ter alguem completamente preso para eu brincar... wow...
Neste momento devem todos pensar 'elá. este gajo é completamente doido e perigoso', não pensem isso, em todo o processo medidas de segurança são tomadas, há sempre uma safe word, conheço os limites da minha parceira e se algo estiver a correr mal para-se logo.
Portanto aqui têm um dos meus maiores segredos, bdsm, sadismo e dominância.

Digam lá se esta imagem não é a coisa mais bonita de sempre...